The Handmaid’s Tale (O Conto da Aia) volta a chamar a atenção dos espectadores com a estreia do primeiro ano da série no serviço de streaming nacional Globoplay nesta quarta-feira (13).

A premiada produção é baseada na obra da escritora Margaret Atwood e se passa na distopia de Gilead, uma sociedade totalitária instaurada no território dos Estados Unidos.

Na trama, Gilead é governada por um fundamentalismo religioso que trata as mulheres como propriedade do estado – especialmente as poucas mulheres férteis que restam no mundo, que são escravizadas para servir à reprodução humana.

The Handmaid’s Tale faz muito sucesso desde seu lançamento pelo retrato do autoritarismo e por discutir questões importantes do feminismo e do papel da mulher dentro da sociedade.

Como comentamos em NOSSO PERFIL no INSTAGRAM nesta semana, a autora Margaret Atwood baseou sua obra ficcional em fatos históricos (em regimes autoritários que aconteceram na história ou em práticas que ainda acontecem ao redor do globo) ou em em trechos de livros “sagrados”, como a Bíblia.

Assustador, não é mesmo?

O martírio da protagonista Offred (interpretada por Elisabeth Moss) terá continuidade em junho, quando The Handmaid’s Tale retornará, pelo serviço de streaming americano Hulu, com sua 3ª temporada.

Saiba mais sobre The Handmaid’s Tale:

E você, assiste a The Handmaid’s Tale? O que acha da obra de Margaret Atwood e a adaptação em seriado? Deixe abaixo o seu comentário.