Dunas do Jalapao
Dunas do Jalapão, no Tocantins. Foto: GC/Blog Vambora!

O Jalapão é um dos destinos de natureza mais lindos do Brasil, isso é fato! Com cachoeiras, dunas, fervedouros e paisagens de tirar o fôlego, o turismo na região só tem crescido, ainda que muita gente ainda não saiba o que fazer ou encontrar direito por lá.

Para ajudar todos que querem ir para a região, vamos mostrar nosso roteiro completo de viagem, com todas as dicas para você planejar o que fazer no Jalapão e atrações e passeios ir!

Fervedouro dos Buritis
Os lindos, e surpreendentes, Fervedouros do Jalapão! Foto: GC/Blog Vambora!

Como já falamos num post anterior (de onde fica o Jalapão e como chegar), para conhecer o Jalapão é melhor fazer um tour oferecido pelas agências na região, o que foi o que fizemos! A experiência foi ótima e todos os detalhes você confere abaixo! Vambora para o Jalapão!

O que fazer no Jalapão: nosso roteiro completo de viagem

Rumo as dunas do Jalapão. Foto: GC/Blog Vambora!

Nosso roteiro de viagem é um dos tours oferecidos pela agência 40 graus no Cerrado, uma das primeiras agências de turismo do Jalapão. Existem roteiros de diferentes dias, geralmente de 3 a 5 dias, sendo o mais comum, e o que a maioria dos turistas faz (e é mais indicado) o de 4 dias.

Isso porque em 4 dias dá para conhecer bem o Jalapão, as suas principais atrações, sem necessariamente se cansar. Quem pega um roteiro maior, geralmente quer fazer mais atividades de aventura (incluindo trekking, rafting) e quem faz a viagem de 3 dias geralmente não consegue conhecer tão bem a região, nem ver tantas atrações (especialmente os fervedouros).

Fervedouro Bela Vista
Fervedouro Belo Vista, um dos mais bonitos do Jalapão. Foto: GC/Blog Vambora!

Importante destacar que na maioria dos roteiros pela região, você dorme cada dia numa cidade diferente para facilitar a logística de conhecer todas as atrações.

Dessa forma, fizemos o roteiro de 4 dias de viagem pelo Jalapão e conseguimos conhecer bem a região. Confira então nosso roteiro completo, realizado pela 40 graus no Cerrado, com o que fazer no Jalapão, incluindo as maiores atrações e passeios imperdíveis!

Dia 1: Palmas / Ponte Alta

Trilha para cachoeira da Roncadeira, no Jalapão
Trilha para cachoeira da Roncadeira, no Jalapão. Foto: GC/Blog Vambora!

Nesse primeiro dia se sai cedo do seu hotel em Palmas, rumo a Taquaruçu, cidade próxima da capital do Tocantins, onde se conhece uma das primeiras atrações do Jalapão (ainda que ainda não se esteja no Parque Nacional em si): as cachoeiras da Roncadeira e Escorrega Macaco.

Rapel Cachoeira da Roncadeira Jalapao
Para quem gosta, dá também para fazer atividades mais radicais, como esse Rapel na Cachoeira da Roncadeira. Foto: GC/Blog Vambora!

São duas lindas cachoeiras, sendo que a primeira possui cerca de 80m de altura e é possível fazer um rapel, como nós fizemos! É uma experiência bem legal para quem quer adicionar um pouco de aventura no roteiro básico! Para chegar até a cachoeira, há uma trilha bem sinalizada, incluindo um trecho com muitos degraus (mas pavimentada).

Cânion Sussuapara no Jalapão

Já para fazer o rapel, a trilha é mais íngreme e no meio da mata, mas os instrutores dão toda a ajuda e apoio, incluindo aula para quem nunca fez Rapel (como foi o nosso caso!). Para quem tem vontade de fazer rapel, é uma bela experiência pois você desce praticamente o tempo todo passando pela cachoeira, é lindo!

Pedra Furada Jalapão
Por do sol na Pedra Furada no Jalapão. Foto: LF/Blog Vambora!

Depois a viagem segue até Ponte Alta, cidade base desse dia, e se conhece o lindo e surpreendente Cânion e a Cachoeira da Sussuapara. Termina-se o dia com um por do sol inesquecível na Pedra Furada, uma formação de mais de 2 milhões e meio de anos, e uma das TOP 5 atrações para se conhecer no Jalapão!

Dia 2: Ponte Alta / Mateiros

Carro da agência 40 graus no Cerrado
Carro da agência 40 graus no Cerrado durante nossa viagem ao Jalapão. Foto: GC/Blog Vambora!

Esse é o dia que mais se anda de carro no Jalapão, por isso estar com um bom carro 4×4 é essencial! Ainda mais porque a estrada para a Cachoeira da Velha é um das mais complicadas da região, pelo seu estado ruim de conservação.

Corredeira Jalapão
Rio Novo com corredeiras do Jalapão. Foto: GC/Blog Vambora!

Essa é uma cachoeira apenas para apreciação, não é possível se banhar, mas quem faz um roteiro maior de 5 ou mais dias, dá para fazer o rafting nas suas águas, cujas corredeiras são nível 3 e 4 (numa escala até 6!).

Prainha do Rio Novo
Prainha do Rio Novo, no Jalapão, para se refrescar do calor. Foto: GC/Blog Vambora!

Depois dela, se tem um merecido descanso e banho na Prainha do Rio Novo, onde se faz um almoço ao estilo picnic.

Dona Abenita Jalapao
Dona Abenita, recepcionando os turistas no seu bar próximo das Dunas do Jalapão. Foto: GC/Blog Vambora!

Como aqui as estradas são bem precárias, o tempo no automóvel será grande e a última atração do dia serão as Dunas do Por do Sol, já na área do Parque Nacional, uma das atrações mais lindas do Jalapão para muitas pessoas.

O que fazer no Jalapão: dunas do por do sol
Dunas do Por do Sol: um dos passeios clássicos pra fazer no Jalapão! Foto: LF/Blog Vambora!

A noite, se dorme em Mateiros, uma das 3 maiores cidades do Jalapão.

Dia 3: Mateiros / São Felix

Se prepare, pois hoje é dia de conhecer algumas das maiores atrações do Jalapão!

Fervedouro do Rio Sono
Fervedouro do Rio Sono no Jalapão. Foto: GC/Blog Vambora!

Primeira parada: os famosos fervedouros do Jalapão! Além do fervedouro do Ceiça, se vai também para o fervedouro dos Buritis e conseguimos adicionar o fervedouro do Rio Sono no nosso roteiro! Todos maravilhosos! Veja aqui mais sobre os fervedouros do Jalapão: https://www.blogvambora.com.br/fervedouros-do-jalapao/

Artesanato de capim dourado
Artesanato de capim dourado no Jalapão, no Tocantins. Foto: GC/Blog Vambora!

Depois se conhece uma das maiores jóias do Jalapão: o Capim Dourado e o artesanato belíssimo feito pela comunidade local, como ocorre no povoado de Mumbuca. Vale a pena comprar algumas peças, como falamos mais nesse post: https://www.blogvambora.com.br/capim-dourado-jalapao/

Cachoeira da Formiga Jalapão
Cachoeira da Formiga, uma das mais belas atrações do Jalapão. Foto: GC/Blog Vambora!

Por fim, chega-se a linda Cachoeira da Formiga, também uma das TOP 5 atrações do Jalapão, com suas águas cor de esmeralda!

Dia 4: São Félix / Palmas

Fervedouro Bela Vista
Fervedouro Bela Vista, o maior do Jalapão. Foto: LF/Blog Vambora!

Nesse último dia de viagem, mais um lindo fervedouro para se conhecer: o Bela Vista! Um dos maiores e mais belos do Jalapão!

Depois, se conhece outra linda cachoeira, a das Araras, antes de voltar para Palmas. No caminho, maravilhosas paisagens vão servindo de cenário, como o Morro Catedral e o Morro dos Macacos (conhecido também como Serra do Gorgulho).

Placas estrada Jalapão
Serra do Gorgulho com placas de carros perdidas nas estradas do Jalapão. Foto: GC/Blog Vambora!

Quem faz um roteiro maior, de 5 ou mais dias, há a opção de fazer o trekking no Morro Catedral e assistir o nascer do sol lá de cima! A gente não conseguiu fazer dessa vez, mas todos falam que é espetacular!!

Importante destacar que nesse roteiro da 40 Graus no Cerrado estão incluídas todas as hospedagens, alimentação, seguro viagem, carro, combustível, guia e taxa de visitação dos atrativos (quando em propriedade particular, como é o caso dos fervedouros, por exemplo).

Duna Jalapão
Por do sol nas dunas do Jalapão. Foto: LF/Blog Vambora!

Esse é o roteiro feito por nós na 40 graus no Cerrado, mas é geralmente o roteiro oferecido por grande parte das agencias do Jalapão. O que pode geralmente alterar mais é a ordem da visita das atrações, já que algumas agencias começam o roteiro pelo Jalapão via São Félix, terminando em Ponte Alta.

O que gostamos especialmente desse roteiro da 40 graus no Cerrado foi que partindo de Ponte Alta, você vai visitando as atrações praticamente por ordem de “UAU”! Explico: em São Félix, ficam as atrações mais bonitas e impactantes do Jalapão, por isso começando seu roteiro de Ponte Alta, você só vai se impressionando mais a cada dia!

Fervedouro do Ceiça
Fervedouro do Ceiça, um dos mais famosos do Jalapão. Foto: GC/Blog Vambora!

Outra coisa muito legal da 40 Graus no Cerrado é que você consegue moldar o roteiro de acordo com seus interesses e próprio perfil dos viajantes. Por exemplo: no nosso caso, nosso guia Sandro adicionou um fervedouro a mais no roteiro, já que nosso grupo preferiu não visitar a Cachoeira da Velha pelo estado complicado da estrada. Ou seja, esse roteiro é uma base que você consegue trabalhar de acordo com seus interesses!

É claro também que eles oferecem tours exclusivos, com um roteiro que pode ser criado especificadamente para o seus desejos, numero de dias para viajar, etc. Só realmente não indico ficar menos de 4 dias no Jalapão, pois a viagem será muito corrida e desgastante devido as distâncias e condições da estrada.

40 Graus no Cerrado Jalapao
Nosso carro da agência 40 Graus no Cerrado que nos levou para conhecer o Jalapão. Foto: GC/Blog Vambora!

Se estiver na dúvida de qual roteiro escolher, vale fazer o roteiro de 4 dias mesmo, já que é o que tem melhor custo X benefício e dá para conhecer bem mesmo a região!

Para mais informações sobre esse e outros roteiros, vale entrar em contato direto com o pessoal da 40 Graus do Cerrado que eles podem informar melhor todos os detalhes da viagem, incluindo valores, diferenças nos roteiros e tudo mais.

Depois dessas dicas, Vambora então para o Jalapão!

*O Vambora! conheceu o Jalapão através de convite da agência 40 Graus no Cerrado

*** Veja mais dicas do JALAPÃO no blog:
Onde fica o Jalapão, como chegar e melhor época para ir
TOP 5 atrações para conhecer no Jalapão
Conhecendo os Fervedouros do Jalapão

Este artigo foi publicado originalmente no Blog Vambora!