Márcio Gomes faz homenagem para Maju (Foto: Reprodução/TV Globo)
Márcio Gomes faz homenagem para Maju (Foto: Reprodução/TV Globo)

Em alta na Globo, Maria Júlia Coutinho, a Maju, foi promovida à bancada do Jornal Nacional e já ganhou até data de estreia no noticiário como apresentadora eventual. Aos 40 anos, ela será a primeira jornalista negra a sentar à bancada do JN.

+Anitta, Pabllo Vittar e Iza: STF julga a criminalização da homofobia e famosos se manifestam

Na internet, o público celebrou a nova conquista da jornalista. Entre eles, o próprio colega de profissão Márcio Gomes. No Instagram, ele publicou uma imagem, seguida de um texto, homenageando Maju.

+Lulu Santos posa com o noivo e revela detalhes de viagem romântica

“Única foto que tenho com a Maju – quando fiz o fim de ano no SP2: apenas uma semana, mas foi suficiente pra ter testemunhado o quão simples, competente e carismática ela é. Maria Júlia Coutinho vai apresentar o JN nos fins de semana. Merecimento”, escreveu ele.

Maju Coutinho foi apresentadora de um telejornal de rede da Globo pela primeira vez em 10 de junho de 2017, quando estreou na bancada do Jornal Hoje. Agora, a jornalista que há anos atua como moça do tempo do Jornal Nacional, será a primeira negra a ir para a bancada do mesmo no próximo sábado (16).

+Após ser detonada por conta de seus dentes, Monique Evans choca com atitude

Vale lembrar que a estreia dela no noticiário acontece um ano após o JN ficar sem seu único apresentador negro. Desde março de 2018, o JN perdeu o único apresentador negro da escala de plantonistas: Heraldo Pereira. Em uma “dança das cadeiras” no jornalismo da emissora após William Waack ser dispensado por causa de acusação de racismo e Renata Lo Prete passar a comandar o Jornal da Globo, Heraldo foi colocado como titular do Jornal das Dez da Globo News, na TV paga.