Macedônia no Norte instala placa com novo nome

Macedônia no Norte instala placa com novo nome
EFE/ Georgi Licovski 13.02.2019

As autoridades macedônias colocaram nesta quarta-feira (13) a primeira faixa com o novo nome do país, Macedônia do Norte, no principal cruzamento de fronteira com a Grécia. A mudança entrou em vigor na noite de terça-feira (12), com a publicação da denominação no Diário Oficial.

Com este gesto, o Estado começou cumprir o acordo assinado com os gregos no ano passado e que pôs fim a uma disputa que durou 27 anos. O governo da Grécia informou ontem que o governo em Skopje tinha cumprido com as suas obrigações no Acordo de Prespa, incluindo a ratificação no Parlamento e a aprovação da adesão do país na Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan).

O Acordo, que leva o nome do lago que fica na fronteira e local onde o documento foi assinado em junho de 2018, estipula que o novo nome deverá ser utilizado tanto dentro quanto fora do país.

O governo já tinha alterado o nome no site oficial na terça-feira (12), e agora fará a troca de todas as placas onde esteja o termo República da Macedônia.

Em até três dias, as autoridades substituirão as faixas de todos os cruzamentos de fronteira e dos dois aeroportos nacionais, em Skopje e Ohrid, assim como nos sites. Em dois meses deverão retirar a sinalização das estradas, e em no máximo quatro meses todos os veículos terão as placas substituídas.

Durante anos, a Grécia vetou tanto o acesso do país vizinho à Otan quanto a abertura de negociações para a sua eventual entrada na União Europeia, por conta do conflito a respeito do nome. A Grécia tem uma região homônima no norte do país e resistia a aceitar que a nação vizinha incluísse o termo Macedônia em sua denominação.