Em 2016, Kim Kardashian sofreu um assalto durante a Paris Fashion Week. O assaltante levou suas joias avaliadas em US$ 10 milhões (aproximadamente R$ 40 milhões) depois de mantê-la como refém por algumas horas. Toda essa história criou um trauma na it-girl e ela teve síndrome do pânico e muito medo de sair de casa com joias extravagantes. Nesta terça-feira (09/10), ela apareceu em um evento em Nova York, toda trabalhada nos acessórios, mas tomou suas medidas de segurança.

Kim Kardashian no evento da Tiffany.Getty Images

Durante o lançamento da linha Blue Book Collection da marca Tiffany, Kim usou sete anéis e uma choker chiquérrimos! Mas como eles eram emprestados e muito caros, ela contou, em seus Stories, que tinha um segurança para acompanhá-la em tudo: “Vejam essas joias que eu peguei emprestadas. Tenho seguranças comigo e deixo de usá-las depois da festa… Assim como a Cinderela“. Entendeu a brincadeira? Cinderela perde os sapatinhos de cristais depois do baile mágico e Kim as joias! hahahah

Kim Kardashian tem seguranças para suas joias.Getty Images

É, nós entendemos toda a preocupação e medo da Kim. Os anéis que ela estava usando são avaliados em US$ 460 milhões (aproximadamente R$ 1.8 bilhão). A peça mais cara foi feita com platina e diamantes… O colar não teve seu preço divulgado, mas não deve ser nada baratinho!

Entendemos o seu drama, Kim!