Durante entrevista ao MTV News, J.J. Abrams explicou por que não dirigiria a série derivada de ”Game of Thrones”. Sendo grande fã da obra de George R.R. Martin, Abrams também é um dos nomes mais requisitados de Hollywood no momento.

“Eu ficaria honrado (caso fosse convidado). Respeito muito o que eles fazem. Cada episódio é praticamente um filme por si só. A verdade é que não gostaria de me envolver e desmistificar a série. Gosto apenas de assisti-la. Sou sortudo em trabalhar com algumas pessoas como Nina Gold, que seleciona o elenco, com quem trabalhei algumas vezes, e Gwendoline Christie, que está em Star Wars: O Despertar da Força. Quando as vejo comentando sobre os bastidores da série, peço para parar porque simplesmente amo esse universo.”

A série está em desenvolvimento pela HBO e se passará milhares de anos antes dos eventos de Game of Thrones. Ela narra a descida do mundo da Era de Ouro dos Heróis em sua hora mais sombria, e também os horripilantes segredos da história de Westeros à verdadeira origem dos caminhantes brancos.

Jane Goldman, de Kingsman: Serviço Secreto, atuará como produtora para o seriado, que pode estrear em 2020, mas sem data definida até o momento.

O post J.J. Abrams explica por que não dirigiria série derivada de ”Game of Thrones” apareceu primeiro em O Vício.