Autoridades de quatro estados dos EUA atingidos pelo furacão Michael confirmaram a morte de 11 pessoas. De acordo com os registros reunidos pela rede de TV CNN, foram 5 mortes na Virginia, 4 na Flórida, 1 na Carolina do Norte e 1 na Georgia.

O número de vítimas fatais, no entanto, pode subir à medida que os trabalhos de resgate avancem, especialmente na Flórida, onde cidades costeiras foram devastadas.

A localidade mais atingida é Mexico Beach. As equipes de resgate trabalham na região e preveem encontrar novas vítimas sob os escombros.

Panes de comunicação e ruas bloqueadas por árvores caídas, linhas de transmissão espalhadas e destroços tornavam difícil fazer uma avaliação completa dos estragos causados pelo Michael nesta quinta-feira, mas o quadro inicial é desolador.

Michael ainda provoca chuvas e inundações

Dois dias depois da chegada do Michael ao continente, centenas de milhares de pessoas ainda estão sem eletricidade. O fornecimento de água também está interrompido em diversas localidades.

Depois de atravessar a região noroeste da Flórida, Michael foi rebaixado para a categoria de tempestade tropical e, na manhã desta sexta-feira (12), já estava sobre o Atlântico, a alguma centenas de quilômetros da costa da Virginia.

Ainda assim, a chuva e o vento forte persistem no estado, dificultando o trabalho das equipes de resgate, que não conseguem chegar a diversos pontos isolados por inundações.

A tempestade ainda ameaça gerar enchentes rápidas e danos a partes da Carolina do Norte e do sul do Meio Atlântico, que ainda se recuperam do furacão Florence do mês passado.

O Michael se abateu sobre o litoral noroeste da Flórida perto da pequena cidade de Mexico Beach na quarta-feira com ventos de 250 quilômetros por hora, empurrando uma parede de água do mar sobre o continente. 

Os feridos na Flórida foram levados a hospitais em Tallahassee, com alguns machucados após a tempestade com queda de galhos de árvores, disse Allison Castillo, diretora de serviços de emergência no Capital Regional Medical Center.

Veja como ficou a cidade Mexico Beach, atingida em cheio pelo furacão Michael: