Feridos em incêndio no Centro de Treinamento do Flamengo são identificados

Um adolescente de 15 anos está internado em estado gravíssimo e outros dois jovens ainda “inspiram cuidados”.

Na madrugada desta sexta-feira, um incêndio de grandes proporções tomou a área antiga do Centro de Treinamentos do Flamengo, o Ninho do Urubu.

A Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro divulgou os nomes dos
três atletas feridos no incêndio que atingiu o Centro de Treinamento do
Flamengo, em Vargem Grande, na zona oeste da cidade, na madrugada desta sexta-feira (8).

Jonathan Cruz Ventura, de 15 anos, está em estado gravíssimo e será
transferido do Hospital Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca, para o Pedro
II, em Santa Cruz, também na zona oeste. Cauan Emanuel Gomes Nunes, de
14 anos, e Francisco Diogo Bento Alves, de 15 anos, estão internados no
hospital da Barra da Tijuca. Segundo a secretaria, os dois inspiram
cuidados.

“Traz uma tristeza no coração de todos”, disse o preparador físico Alexandre Sanz.

Zico

Ídolo do Flamengo, Arthur Antunes Coimbra, o Zico, lamentou o incêndio
no Centro de Treinamento Ninho do Urubu e pediu apuração. “Que tragédia
essa com a base do Flamengo! Que choque receber essa notícia aqui, do
outro lado do mundo”, afirmou Zico, que atualmente trabalha no Japão.

Usando sua conta no Facebook, o ex-jogador desejou “que Deus conforte
os familiares que perderam seus filhos, netos, irmãos, sobrinhos,enfim
parentes”. Formado na base do Flamengo, Zico lembrou o sonho de muitos
adolescentes de mudar de vida com o futebol: “Meninos que sonhavam com
um futuro e muitos, sem dúvida, em ajudar suas famílias”.

Zico cobrou a apuração do incêndio: “Que se apure tudo, pois uma
tragédia como essa não pode passar em branco. Vidas se foram”. Ele
desejou que a “nação rubro-negra tenha força e fé para superar este
momento”.