Existem muitos retratos e obras de arte que, mesmo se nos movimentarmos olhando para eles, irá parecer que estamos sendo acompanhados pelo olhar na imagem. Esse efeito tem um nome e é “Efeito Mona Lisa“. A nomeação não é sem motivo.

A grande obra de Leonardo da Vinci é conhecida por acompanhar seus admiradores com os olhos. A obra, que hoje está localizada no Museu do Louvre, atrai pessoas do mundo inteiro, muitas delas bastante curiosas para ver esse efeito de perto.

Mona Lisa olha para você?

Uma pesquisa da Universidade de Bielefeld, na Alemanha, provou o efeito Mona Lisa em várias obras de arte. Até aí, tudo bem. O problema veio quando também mostraram que o efeito não se aplica na própria Mona Lisa.

O professor Gernot Horstmann conseguiu fazer essa verificação quando colocou uma régua dobrável sobre uma tela que reproduzia a obra. Os resultados foram muito diversos na hora de colocar os participantes para olharem para a obra. Apesar disso, após analisar mais de 2 mil resultados, a conclusão foi de que o olhar não segue a pessoa.

Por que o efeito Mona Lisa não se aplica à Mona Lisa?

“As pessoas podem sentir que o protagonista de uma foto está olhando diretamente para frente, ou seja, seu olhar tem um ângulo de zero grau”, pontuou Horstmann. Isso até pode ser verdade, porém, não se aplica à Mona Lisa. O olhar dela se dirige para o lado direito, com um ângulo médio de 15 graus.

O pesquisador completa: “está claro que o termo ‘efeito Mona Lisa’ é um nome inapropriado. Ele ilustra o forte desejo de ser observado e de ser o centro da atenção de outra pessoa, ou seja, de ser relevante para alguém, ainda que desconhecido”.

E aí, o que você achou de saber que o Efeito Mona Lisa não é adequado para a própria Mona Lisa? Comenta aqui com a gente e compartilha nas suas redes sociais. Para você que está sem chão, aquele abraço.

Essa matéria Estudo diz que Mona Lisa não está sempre te olhando, entenda foi criada pelo site Fatos Desconhecidos. E somente copiada por esse portal.