A família protagonista de Assédio, nova minissérie da Globo (Foto: Divulgação)
A família protagonista de Assédio, nova minissérie da Globo (Foto: Divulgação)

Como o TV Foco já informou, a Globo prepara para seus telespectadores uma nova minissérie, Assédio. Prevista para estrear primeiramente no GloboPlay, serviço de streaming da emissora, a produção é inspirada no livro A Clínica: A Farsa e os Crimes de Roger Abdelmassih.

A série mostra a história de um grupo de mulheres que denunciam uma série de abusos sexuais cometidos pelo médico Roger Sadala, vivido por Antonio Calloni. A emissora optou por omitir o sobrenome original do criminoso para evitar possíveis complicações judiciais futuras.

+Revelado o motivo que faz a Globo manter a Sessão da Tarde no ar; saiba mais

Segundo o jornalista Flávio Ricco, tudo começa com a denúncia feita por uma mulher, que decide romper o silêncio e torna público o que até então era restrito ao consultório do médico, que era bem-sucedido e respeitado.

GLOBO TRANSFORMA OBRAS EM MINISSÉRIES

A Globo comprou os direitos de obras de Jorge Amado (1912/2001) e Jorge Andrade (1922/1984) para adaptar e exibir em formato de minissérie.

Segundo romance de Jorge Amado, publicado em 1933, “Cacau” será adaptado por Ricardo Linhares. A produção contará com dez capítulos, um formato que, nos bastidores, é visto pelos autores como “ideal”, de acordo com informações do jornal O Globo.

A história retrata a vida de pessoas que trabalhavam em fazendas de cacau no sul da Bahia, na década de 1930, a expansão das ideias socialistas e a luta de classes.

Xande Valois e João Gabriel D’Aleluia protagonizam Se Eu Fechar os Olhos Agora, nova minissérie da Globo. (Foto: Globo/Maurício Fidalgo)

Já a novela O Grito, assinada por Jorge Andrade, que foi exibida pela Globo em 1975 na faixa das 22h em 125 capítulos, também será transformada em minissérie de dez episódios (a emissora comprou os direitos do texto original).

O enredo de O Grito tinha como cenário principal o Edifício Paraíso, construído por uma família aristocrática, que sofre com a desvalorização após a construção do Elevado Presidente Costa e Silva, mais conhecido como “Minhocão”. A trama trouxe nomes como Gloria Menezes, Rubens de Falco e Elizabeth Savala em seu elenco.