O cachorro é o melhor amigo do homem e essa máxima é plena verdade. A ligação do animal com seu dono é uma das coisas mais verdadeiras do mundo. Os animais são tão ligados a seus donos que não os abandonam nem mesmo em situações de perigo.

Em Las Palmas de Gran Canária, no noroeste da África, um filhote de yorkshire viu que seu dono estava em perigo. O dono e o cachorro tinham o hábito de passear. Contudo, em um desses passeios, o idoso de 81 anos, sem identificação, caiu em um buraco e não conseguia sair por conta própria. A sorte era que seu fiel animal de estimação estava junto a ele.

O cachorro latiu por sete horas seguidas, mas ninguém tinha notado o acidente. Até que o filho do homem reportou à polícia o desaparecimento do seu pai, explicando ainda aos oficiais que ele estava andando com o cachorro, Teddy, quando desapareceu.

Desaparecido

Como o homem tinha dificuldades para andar, a polícia começou a procurar pelo homem em seu bairro. O cachorro do homem estava lá latindo sem parar, o que chamou a atenção da polícia, que resolveu seguir o som porque acharam que poderia ser do cachorro que estava com o idoso.

E confirmando a suspeita, eles encontraram o filhote do idoso, que não deixou seu dono. O senhor estava consciente e sem ferimentos graves, mas não conseguia deixar o buraco em que tinha caído.
“O boletim de ocorrência feito pelo filho e a fidelidade do seu cachorro, que sempre ficou ao lado do dono, foram suficiente para guiar a polícia até o homem e isso permitiu que o homem fosse resgatado e evitaram consequências piores”, disse a polícia em um comunicado.

Depois de resgatado, o homem foi transferido para um centro de saúde e depois foi para casa com sua família e com seu fiel cachorro.

Essa matéria Cachorro latiu por 7 horas até descobrirem que seu dono de 81 anos havia caído em um buraco foi criada pelo site Fatos Desconhecidos. E somente copiada por esse portal.