Em entrevista ao ComicBook no TCA 2019, Diane Guerrero garantiu que “Patrulha do Destino” será fiel aos quadrinhos de Grant Morrison. A série estreia nos EUA nesta sexta, 15 de fevereiro.

“Com certeza. É uma das séries mais esquisitas que temos na atualidade. Quando comecei minha pesquisa nos quadrinhos, e depois com o roteiro em mãos, pensei, ‘Nunca vimos algo como isso antes.’ Fiquei muito empolgada. O trabalho da equipe de produção foi incrível. Estão conseguindo fazer tudo funcionar. E acredito que temos momentos que também refletem nossa sociedade. Se você decidir assistir, vai notar que precisará lidar com situações que são desconfortáveis.”

E a atriz também comentou sobre o desafio de interpretar Crazy Jane, personagem com 64 personalidades diferentes.

“Tenho que admitir que, inicialmente, foi assustador. Mas a partir do momento que fiquei focada e começamos a trabalhar, percebi que não era tão complicado. Continua sendo desafiador, acredite, mas existe algo muito real nela. É alguém que foi machucada, e traumatizada. Tentei coisas nesse sentido para ver onde iria dar. Quis ter certeza que estava sendo fiel ao que foi mostrado nos quadrinhos.”

“Uma reimaginação de um dos mais amados grupos de super-heróis da DC: Homem-Robô, Homem-Negativo, Mulher Elástica e Crazy Jane, liderados pelo cientista Dr. Niles. Os membros da Patrulha do Destino sofreram acidentes terríveis que lhes deram habilidades sobre-humanas – mas também os deixaram marcados e desfigurados. Traumatizados e oprimidos, a equipe encontrou um propósito investigando os fenômenos mais estranhos existentes – e protegendo a Terra do que eles encontram.”

Se passando após os eventos de Titãs, Patrulha do Destino encontrará esses jovens relutantes em um lugar onde eles nunca esperaram estar, sendo chamados à ação por ninguém menos que o Ciborgue, que chega até eles com um missão difícil de recusar, mas com uma advertência que é difícil de ignorar: suas vidas nunca mais serão as mesmas.”

O drama conta com produção executiva de Greg Berlanti, Geoff Johns, Jeremy Carver e Sarah Schechter. O piloto foi escrito por Carver. 

O post Atriz diz que “Patrulha do Destino” será fiel aos quadrinhos de Grant Morrison e detalha desafio de interpretar Crazy Jane apareceu primeiro em O Vício.