Arqueólogos restauram na Síria esculturas destruídas pelo Daesh

Uma equipe de 12 especialistas trabalha no Museu Nacional de Damasco na restauração de centenas de peças arqueológicas de Palmira que foram danificadas por militantes do Daesh (também chamado de Estado Islâmico) durante sua ocupação da Cidade Velha, na região central da Síria.