Iza, Pabllo Vittar e Anitta pedem a criminalização da homofobia pelo STF (Foto: Reprodução)
Iza, Pabllo Vittar e Anitta pedem a criminalização da homofobia pelo STF (Foto: Reprodução)

O Supremo Tribunal Federal (STF) começou a julgar nesta quarta-feira, 13 de fevereiro, se criminaliza a homofobia e a transfobia. Por causa disso, alguns famosos resolveram se manifestar pedido para que o Poder torne a homofobia um crime.

+Lulu Santos posa com o noivo e revela detalhes de viagem romântica

“É crime”, disse a cantora Pabllo Vittar. “A gente segue desafiando as estatísticas e sacudindo as estruturas de um sistema que oprime, danifica e tira vidas a cada 19 horas no Brasil. Homofobia é crime”, afirmou a cantora Gloria Groove.

+BBB19: Danrley comemora eliminação de Diego e dispara: “Jogada certa”

“Acabei de acordar aqui em Miami e vi que o STF vai julgar a criminalização da LGBTIfobia. Estou aqui torcendo para que isso aconteã. Pode mudar a vida de muita, muita gente. Pensamento positivo, tomara que dê tudo certo, vamos pra frente, mais uma evolução”, comentou Anitta.

+Tatá Werneck desabafa sobre diferença de idade com Rafael Vitti e web repercute

“O estado é laico e temos que pensar no bem de todos, vivemos numa sociedade que privilegia o privilegiado. Independente da sua crença, não queira que o preconceito continue existindo. Estaremos resistindo daqui”, disparou Kéfera.

+Após ser detonada por conta de seus dentes, Monique Evans choca com atitude

“É crime sim ou com certeza”, questionou Iza. “Respeito não é questão de opinião. É justiça”, falou Tatá Werneck.

Veja as manifestações:

MORRE BIBI FERREIRA

Morreu, ao 96 anos, a diva dos musicais brasileiros, Bibi Ferreira, aos 96 anos, em seu apartamento no Flamengo, Zona Sul do Rio. Segundo Tina Ferreira, filha de Bibi, a artista morreu no início da tarde.

+Atriz da Globo beija namorada, detona homofobia e cobra Supremo Tribunal Federal: “É crime sim”

A também atriz acordou e pediu um copo d’água. A enfermeira que a acompanhava percebeu que o batimento cardíaco estava baixo e, por isso, chamou um médico. Tina acredita que a mãe morreu dormindo.

+Espelho da Vida: Gustavo Bruno impressiona com vestido de noiva

Em setembro de 2018, Bibi Ferreira se despediu dos palcos, coisa que nunca imaginou na vida, dizia. ”Entender a vida é ser inteligente”, disse ela na ocasião, em uma rara aparição no Facebook.

Em mais de 75 anos de carreira, Bibi se consagrou a grande dama do teatro brasileiro. No tablado, destaque para as interpretações memoráveis em Gota d’Água, Alô, Dolly!, O Homem de La Mancha e Minha Bela Dam.

+O Sétimo Guardião: Luz fica desconfiada sobre a fonte do casarão

Na televisão, em 1960, Bibi inaugurou a TV Excelsior com o programa ao vivo “Brasil 60” (61, 62, 63…, de acordo com o ano), que levou à TV os maiores nomes do teatro. Na mesma emissora, também apresentou o programa “Bibi sempre aos domingos”. Em 1968, estrelou o musical “Bibi ao vivo” – com direção de Eduardo Sidney, o programa era transmitido do auditório da Urca.