“Nós somos o que repetidamente fazemos. Excelência, então, não é um ato, mas um hábito.” A frase é do célebre filósofo grego Aristóteles, aluno de Platão.

VEJA TAMBÉM: 4 dicas para trabalhar menos sem prejudicar a carreira

Como seres humanos, teríamos dificuldade de funcionar sem os hábitos. Eles são as maneiras padrão como pensamos e agimos. Nos dão o conforto da regularidade e, normalmente, permitem que libertemos nossa mente e estejamos mais engajados em outras atividades.

Todos nós desenvolvemos hábitos ao longo do tempo. Eles são moldados pelo condicionamento social, pelas experiências pessoais e pelo modo como assimilamos as coisas em nossa mente. Uma vez formados, esses costumes se tornam os padrões automatizados que seguimos. Cada um de nós tem milhares deles, mas, em grande parte, estamos inconscientes de que são responsáveis por guiar a maneira como conduzimos a vida todos os dias.

No entanto, nem todo hábito é produtivo. Muitos são destrutivos e tão capazes de nos influenciar quanto os positivos. Eles nos levam a fazer tudo do nosso próprio jeito, tropeçar em momentos críticos, desistir cedo demais ou não tentar.

Em três décadas de trabalho em grandes organizações, descobrimos que existem cinco hábitos destrutivos que, em certa medida, prejudicam a carreira de uma pessoa. Basta olhar ao seu redor – as probabilidades de identificá-los são excepcionalmente altas. Alguém sentado a uma distância de 10 metros de você tem, com certeza, alguns desses costumes. Você mesmo pode tê-los sem perceber.

Veja, na galeria de fotos abaixo, 5 hábitos que podem destruir uma carreira e como mudá-los:

GettyImages
GettyImages
GettyImages
GettyImages
GettyImages
GettyImages
GettyImages

O post 5 hábitos que destroem sua carreira e como mudá-los apareceu primeiro em Forbes Brasil.