Memorial do Muro de Berlim. Foto: GC/Blog Vambora!

Berlim hoje em dia é linda, feliz, moderna, jovem, mas não faz muito tempo que a sua realidade era bem diferente. Berlim foi palco de importantes e tristes marcos que mexeram não só com a cidade mas com o mundo todo: a 2ª Guerra Mundial e a Guerra Fria.

Base do governo nazista, Berlim se viu envolvida em incontáveis crimes contra humanidade feitos pelo governo de Hitler, durante a 2ª Guerra Mundial e com o final dessa, entrou em mais uma fase brutal de segregação e divisão, com a criação do Muro de Berlim, separando a cidade, famílias e o mundo em duas partes.

Roteiro Cultural: Memorial do Muro de Berlim e Topografia do Terror, a história de Berlim nua e crua

Exposição da Topografia do Terror em Berlim. Foto: GC/Blog Vambora!

Ainda que seja um passado triste, foi ele a base para a cidade incrível que vemos hoje e essa história recente e tão marcante é contata hoje em dia em museus e memoriais para que possamos, todos, não esquecer do que aconteceu e aprender com esses fatos. Por isso mesmo o Memorial do Muro de Berlim e o Topografia do Terror são alguns dos museus e memoriais mais importantes e visitados de Berlim, com milhares de pessoas procurando entender, conhecer e refletir sobre os fatos que aconteceram e que mudaram não só a cidade, mas o mundo em geral.

São duas atrações gratuitas, essenciais para visitar em Berlim e entender melhor a história recente do mundo, na qual a capital alemã, foi um dos maiores palcos. Confira abaixo mais sobre cada uma delas:

1-) Topografia do Terror

Roteiro Cultural: Memorial do Muro de Berlim e Topografia do Terror, a história de Berlim nua e crua

Topografia do Terror Berlim. Foto: GC/Blog Vambora!

No antigo endereço onde ficava a Gestapo (a policia secreta nazista), o comando da SS (organização paramilitar ligada ao partido nazista), o serviço de segurança nazista e central de segurança do Reich, se encontra hoje um dos memoriais e exposições mais impressionantes e envolventes do que realmente aconteceu durante o período nazista.

O “Topographie des Terrors” (Topografia do Terror), fica exatamente em cima do que restou dessas instituições que promoveram uma das maiores atrocidades na história e crimes contra a humanidade.

Roteiro Cultural: Memorial do Muro de Berlim e Topografia do Terror, a história de Berlim nua e crua

Topografia do Terror em Berlim. Foto: GC/Blog Vambora!

O memorial totalmente gratuito, é visitado por milhares de visitantes todos os anos e procura dar respostas para questões como “Porque isso existiu”, “Quem fez isso”, Porque eles fizeram isso”, “Como faziam isso”, “Porque as pessoas aceitavam isso”, etc. O local conta com uma exposição externa (no terreno onde ficavam a sede e selas dos comandos entre 1933 e 1945), como também num pavilhão moderno, em que é explicada em detalhes a verdade cruel do Estado Nazista.

Na parte externa, as exposições são temporárias, e nesse momento por exemplo há uma contando como funcionava a propaganda do governo nazista, usada para validar as atrocidades e terror produzidos durante essa época. Já na parte interna, do pavilhão, a exposição é permanente sobre a história do nazismo e os responsáveis, que praticaram crimes não só na Alemanha, mas em diversos outros países da Europa durante a guerra.

Roteiro Cultural: Memorial do Muro de Berlim e Topografia do Terror, a história de Berlim nua e crua

Imagens da exposição no memorial: impressionante!

Aqui ficamos sabendo que além dos judeus, ciganos, homossexuais, deficientes e outras minorias também sofreram tortura e atrocidades de todos os tipos. Aqui ficamos sabendo da verdade e a realidade, nua e crua daquela época, entendendo o que foi feito e como atitudes tão desumanas eram apoiadas por tantos, tudo explicado de forma histórica, direta e didática. Nunca vi uma exposição e explicações tão boas sobre o que realmente aconteceu.

Aqui o passado mais triste da Alemanha é usado como forma de aprendizado para que ações como essas não acorram nunca mais, em nenhum lugar do mundo. E o mais impressionante é que pouco depois do final da Segunda Guerra, se ergue ali, passando exatamente do lado daquele local, o Muro de Berlim, outro fato triste e marcante da história alemã. Uma pequena parte original do muro é vista aqui, mas o melhor local para entender essa outra história é no Memorial do Muro de Berlim, que você conhece mais abaixo. + Info: http://www.topographie.de/en/

2-) Memorial do Muro de Berlim

Roteiro Cultural: Memorial do Muro de Berlim e Topografia do Terror, a história de Berlim nua e crua

Foto exposta no Memorial do Muro de Berlim.

O Memorial do Muro de Berlim (Gedenkstätte Berliner Mauer em alemão) é o melhor lugar para entender e visualizar o que foi e como era viver durante a época do Muro de Berlim. E como no caso do memorial anterior, a entrada aqui também é totalmente gratuita.

Roteiro Cultural: Memorial do Muro de Berlim e Topografia do Terror, a história de Berlim nua e crua

Memorial do Muro de Berlim. Foto: GC/Blog Vambora!

Ele fica na rua Bernauer Straße, local exemplo do que aconteceu entre 13 de agosto de 1961 a 9 de novembro de 1989 em toda Berlim: um grande o muro foi levantado cruzando a cidade, dividindo-a entre ocidental (capitalista) e oriental (socialista), criando uma divisão física e emocional entre famílias, pessoas, empregos, casas, etc.

O memorial se estende por algumas quadras mostrando como foi a divisão e desenvolvimento do muro, numa linha do tempo exposta pela rua, incluindo pedaços originais do muro, painéis, fotos, totens de informação, contando e mostrando relatos originais, como exemplo do que aconteceu por toda Berlim.

Roteiro Cultural: Memorial do Muro de Berlim e Topografia do Terror, a história de Berlim nua e crua

Memorial do Muro de Berlim. Foto: GC/Blog Vambora!

Mas a parte mais impressionante do memorial é exatamente o último trecho original do muro de Berlim existente, em detalhes, como era no seu ápice nos anos 80: com metros de altura em concreto e um “corredor da morte” no seu centro, totalmente vigiado, para evitar fugas de qualquer um dos lados. Muitas tentativas de escape inclusive que foram feitas através de túneis que você consegue ver no local. É possível até espiar entre frestas do muro, como faziam os moradores da época, para tentar ver algo do outro lado….Impressionante pensar que isso existiu faz tão pouco tempo.

Roteiro Cultural: Memorial do Muro de Berlim e Topografia do Terror, a história de Berlim nua e crua

Olhando entre frestas através do Muro de Berlim, no trecho original do memorial. Foto: GC/Blog Vambora!

Além da exposição externa, há um centro de visita e documentação com uma torre, onde do alto se vê exatamente a grande faixa policiada que separava a cidade e o corredor de “segurança”, onde muitos morreram. Nesse centro também há uma ótima exposição multimídia contando mais em detalhes a história do muro, do início até seu fim em 1989. + info: http://www.berliner-mauer-gedenkstaette.de/en/

Roteiro Cultural: Memorial do Muro de Berlim e Topografia do Terror, a história de Berlim nua e crua

Foto mostrando queda do muro de Berlim, exposta no memorial.

Duas atrações emocionantes e essenciais que são verdadeiras aulas de história de Berlim e do mundo ocidental. Gratuitas, são uma forma de tornar essas histórias tão importantes mais compreensíveis aos nossos olhos, cujas marcas permanecem na cidade até hoje. Vale a pena reservar algumas horas do seu dia para cada uma delas. Vambora!

*** Veja mais dicas de BERLIM no blog:
Como visitar o Reichstag em Berlim, uma das maiores atrações da cidade
Berlim, por onde começar
Ingressos para atrações e passeios em Berlim

Este artigo foi publicado originalmente no Blog Vambora