O nome oficial do país é República Oriental do Uruguai.

 

O Uruguai possui uma população de apenas 3,5 milhões de pessoas (menos do que a cidade de São Paulo), sendo que 1,8 milhão vive em Montevidéu, a capital.

 

As maiores cidades do país são, pela ordem: Montevidéu, Salto e Paysandu.

 

A população é em grande parte constituída por descendentes de europeus, principalmente espanhóis e italianos. Existe ainda uma proporção significativa de mestiços e descendentes diretos de africanos.

 

O Uruguai é um dos poucos países onde o ensino da língua portuguesa é obrigatório.

 

Brasil e Uruguai chegaram a formar um único país na primeira metade do século XIX. A região que hoje compreende o território uruguaio era conhecida dos brasileiros como Província Cisplatina.

 

O Uruguai foi o primeiro país da América Latina a reconhecer a união civil entre pessoas do mesmo sexo, assim como o primeiro a liberar o consumo da maconha.

 

Juntamente com Antígua e Barbuda, Barbados, Argentina e Chile, o Uruguai é um dos países com melhor IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) da América Latina.

 

O país é um dos mais exportadores de carne do continente. Acredite se quiser, mas existe 10 milhões de bovinos por lá, quase três vezes mais do que a população.

 

O Uruguai foi o primeiro país a sediar uma Copa do Mundo, assim como o primeiro campeão da história.

 

Assim como os vizinhos brasileiros e argentinos, os uruguaios são loucos por futebol. Os principais times do país são: Nacional, Peñarol, Montevideo Wanderes, CURCC (Central Uruguay Railway Cricket Club) e River Plate. Os times com mais títulos até o ano de 2 015 são o Peñarol e o CURCC.

 

Outra coisa bastante curiosa sobre o Uruguai: o carnaval de lá é o mais longo do mundo, com 40 dias de duração. Além de desfiles de grupos carnavalescos – chamados por lá de comparsas – o evento inclui apresentações de teatro, música e dança. Os uruguaios gostam tanto de seu carnaval que construíram até um museu para preservar a sua memória.

 

Os uruguaios são loucos pelo churrasco típico do país, a parrillada (detalhe: eles estão entre os cinco maiores consumidores de carne do mundo). Outra coisa que eles adoram é o doce de leite, seja no alfajor, sorvete ou no potinho, como é vendido no Brasil.

 

Assim como no estado brasileiro do Rio Grande do Sul, a bebida favorita dos uruguaios é o mate. É possível encontrar pessoas consumindo mate nas praças, praias e até no transporte público.

 

Parece que todo mundo em Montevidéu possui animais em casa, principalmente cães. Uruguaios adoram cães, mais até do que os brasileiros. Por sinal, existe no país uma lei que pune quem maltratar animais.

 

Como país integrante do Mercosul – que reúne nações vizinhas como Brasil e Argentina –, o Uruguai não exige visto de entrada para os brasileiros.

 

O sol na bandeira uruguaia representa o Sol de Maio, símbolo que historicamente faz referência ao Vice-Reino do Rio da Prata, colônia espanhola da qual faziam parte países como Argentina, Uruguai e Paraguai.

 

O Uruguai é um dos poucos países do mundo que levanta três bandeiras durante as comemorações nacionais. Além da bandeira nacional propriamente dita, são usadas a bandeira de Artigas e a dos Trinta e Três Reinos Orientais.

 

Fontes: Wikipédia, IG, Terra.